Sábado, 24 Agosto 2019

Paróquias celebram a Festa do Senhor Bom Jesus

 

Paróquias da Arquidiocese de Diamantina celebram a Festa do Senhor Bom Jesus. Confira a programação

 

Paróquia do Senhor Bom Jesus - Diamantina

 

 

8° Dia - 09/08 - Sexta-Feira

Lema: "O Reino de Deus é misericórdia e perdão"

19h - Procissão, saindo da Residência de Duca do Pinheiro.

19h - Terço na Igreja.

19h30 - Celebração Eucarística

Participação Especial: Paróquia Santo Antônio da Sé.

Bênção: Das Famílias.

Presidente: Padre Tadeu do Rosário

9° Dia - 10/08 - Sábado

Lema: "O Reino de Deus é repartir e servir"

 06h - Alvorada com repique de sinos, clarinada e queima de fogos.

18h30 - Procissão, saindo da casa da Sra. Maria Aparecida Honorato.

19h30 - Celebração Eucarística. Logo após, levantamento do mastro.

Participação Especial: Comunidades - Nossa Senhora da Guia, Cazuza, Vale dos Diamantes, Córrego Fundo e Pinheiro.

Bênção: Dos trabalhadores e das carteiras de trabalho.

Presidente: Padre Nereu 

 

 

Paróquia Nossa Senhora da Conceição - Couto Magalhães de Minas

 

Dia 28/07 - Domingo – 1º dia

Tema: Completai em mim a obra começada.

19:00 – Celebração Eucarística com abertura do novenário e logo após barraquinha.

Responsáveis pela Liturgia e Barraquinha: Pastoral da Criança, Equipe do Dízimo, Mãe Rainha, Ministério de Música Kairós, Lucinéia.

Dia 29/07 - Segunda-feira – 2º dia

Tema: Bendirei o Senhor Deus o tempo todo.

19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Responsáveis pela Liturgia e Barraquinha: Vicentinos N. Sra da Conceição, Irmandade da Sagrada Face, Coral Imaculada Conceição e São Gabriel, Maria Geralda.

Dia 30/07 – Terça-feira – 3º dia

Tema: A boa semente são as que pertencem ao Reino.

18:00 – Terço dos Homens
19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Responsáveis pela Liturgia e Barraquinha: Homens do Terço, Terço São Miguel, Godô e Soraya.

Dia 31/07 – Quarta-feira – 4º dia

Tema: O Reino dos céus é como um tesouro escondido.

19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Dia 01/08 - Quinta-feira – 5º dia

Tema: Quão amável, Ó Senhor, é Vossa casa.

17:00 – Adoração e Exposição do Santíssimo
19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Dia 02/08 - Sexta-feira – 6º dia

Tema: Exultai no Senhor, nossa força!

19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Responsáveis pela Liturgia e Barraquinha: Escolas Municipais, Creche, CRAS, Adriano, Welerson e Godô.

Dia 03/08 - Sábado – 7º dia

Tema:Que as nações vos glorifiquem ó Senhor.

Dia 04/08 - Domingo – 8º dia

Tema: Busquemos o Senhor e encontremos nele nosso refúgio.

19:00 – Celebração Eucarística, novena e logo após barraquinha.

Dia 05/08 -Segunda-feira – 9º dia

Tema: O homem não vive somente de pão, mas de todo palavra da boca de Deus.

19:00 – Celebração Eucarística, novena, levantamento do mastro e barraquinha.

Dia 06/08 – Terça-feira – Dia da Festa

Tema: Este é o meu Filho, O Escolhido, escutai o que Ele diz.
18:00 - Solene Celebração da Santa Missa, logo após procissão. Em seguida, jantar.

 


ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS

Eis-nos aqui, Senhor Bom Jesus, cheios de fé, contemplando a vossa imagem: o coração aberto nos fala do vosso amor por nós; as mãos e os pés cravados na cruz, nos lembram do vosso sofrimento por nossos pecados; o resplendor, sinal de vida nova, nos anuncia a vossa vitória sobre o mal e irradia para nós uma esperança sem fim. Aceitai, ó Bom Jesus, as nossas fadigas e privações, como gestos de nossa homenagem. Acolhei as nossas promessas e orações como sinais de sincera gratidão. Livrai-nos pelo poder de vossa sagrada paixão, de toda maldade, fraqueza e dureza de coração. Transformai-nos, pela força de vossa gloriosa ressurreição, em mensageiros do vosso reino e construtores da paz e da união. Finalmente, dai-nos acesso ao Reino Eterno, para com tosos os Santos sermos felizes e cantarmos a vossa glória e a do Pai e a do Espírito Santo, por toda a eternidade. Amém.

 

História

A devoção popular ao Cristo da Paixão, Servo Sofredor, teve início em Portugal, na Espanha, na Itália e, mais tarde, a partir do período colonial, na América Latina. Daí decorrem inúmeros “títulos” acrescidos à invocação “Senhor Bom Jesus”, recordando os momentos de seu martírio: a agonia (Senhor Bom Jesus do horto, das oliveiras); a flagelação (da coluna, da pedra fria, da paciência); a sua apresentação por Pilatos ao povo com a expressão latina “Ecce homo” – “Eis o homem!” – (da cana verde, do livramento, dos aflitos, da boa sentença, da prisão, Santo Cristo dos milagres); o caminho para o Calvário (dos Passos); a crucificação (do bonfim, da lapa, de matosinhos, da boa morte, do descimento, da pobreza, da agonia, dos remédios, dos montes) e, finalmente, o sepultamento (Senhor Morto). Evidentemente, todas as representações iconográficas (imagens) desses “títulos” do Senhor Bom Jesus apresentam suas particularidades e aludem ao episódio bíblico que retratam ou aos atributos e adornos que o Cristo traz ou com os quais é revestido (o manto de cor púrpura, a cana e a coroa de espinhos, por exemplo).

A invocação, ainda, pode conter o nome dos lugares onde a devoção se desenvolveu: Cangaíba, Brás, Jd. das Oliveiras, Guarulhos, Pirapora, Iguapé, Tremembé, Perdões, Itu, Arujá, Mairiporã, Paranapiacaba, Lapa, Bonfim, Matosinhos, Açores, Braga, Buga etc. Fogem a essas características que evocam o drama da Sexta-feira Santa o “Senhor Bom Jesus de Nazaré” e algumas imagens do “Senhor Bom Jesus dos Navegantes”. (Fonte: A12.com)

 

 

 

 

Quem Somos

Mitra Arquidiocesana de Diamantina
Telefone: +55 (38) 3531-1094
Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Assessoria de Comunicação
Assessora:
Erika Rodrigues de Souza 
Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Programador/Designer: Adm. Adriano Leão Oliveira
Coordenação do Sistema: Pe. Lindomar Rocha Mota